Saiba se seu carro está ROUBANDO corrente

Tempo de leitura: 2 minutos

Se você já deixou o carro  sem ligar por alguns dias e quando foi ligar a bateria não deu sinal de vida, ou mesmo de um dia para o outro, pode ser que seu carro tenha um problema muito comum que é o roubo de corrente, principalmente se seu carro for um carro antigo.

A bateria do carro armazena energia necessária para virar o motor de arranque ou motor de partida do carro, se não tiver carga suficiente o motor de arranque não consegue ser acionado isso é por conta do gasto com consumidores, que podem ser desde uma luz do salão que ficou acessa, ou um rádio que ficou ligado, porém temos o problema de roubo de corrente, quando o consumo da bateria com o carro desligado é acima da tolerância que o sistema foi projetado.

A instalação de componentes de forma errada, relés por exemplo, podem ocasionar o roubo de corrente.

Como detectar o roubo de corrente?

Nos carros antigos a medição pode ser feita assim que desligar o carro, nos mais novos existe o Power Latch que alimenta componentes eletrônicos temporariamente com o carro desligado, o tempo varia de acordo com cada sistema, de alguns segundos até 50 minutos, então procure saber se seu carro tem este sistema antes de começar a medição, caso tenha e a bateria for desligada antes deste prazo, poderá ocorrer problemas diversos, chegando até impedir a partida do motor.

Antes disso deveremos ter um multímetro em mãos, existem inúmeros multímetros, desde dos automotivos, de eletricistas profissionais com isolamento forte, até um de R$ 20,00 da lojinha, este serve para ESTA medição, se você não pretende ser um técnico não precisar gastar seu dinheiro com algo caro,um barato já é suficiente.

1º – Colocar o multímetro na escala para a medição, usaremos a escala de 10 A (amperes) corrente contínua.

2º – Colocar as ponteiras de provas nos plugues, a ponteira preta no plugue (Com) e a vermelha no plugue (10A).

Agora solte o borne negativo da bateria faça uma “ponte” entre o cabo negativo e a bateria com a ponta de prova e veja quanto foi o resultado da medição.

Em baterias com capacidade de até 60 Ah a tolerância aceitável é de 40 mA, em baterias de 70 Ah a 100 Ah em torno de 70 mA.

Mas em todo caso consulte o manual do fabricante do teu carro para saber o valor correto. De qualquer forma se os valores estiverem muito acima disso, você comprovou que tem um roubo de corrente no teu veículo.Caso comprove a fuga leve para um eletricista para fazer uma revisão nos conectores, fios e componentes.

Lembre de usar óculos, luvas e jaleco, a bateria é um componente que tem ácido, tensão e pode explodir, sua proteção com EPI sempre!

Compartilhe esta matéria com seus amigos!

[divider style=”0″]

Turma nova de mecânica, se inscreva!

 

 

3 Comentários


  1. Oi meu nome é Gilberto, estou querendo, abrir uma Oficina , com essa crise estou com medo.Como sou da época dos carros não eletrônico, gostaria de fazer um curso sobre eletrônica de carro

    Responder

    1. Olá Gilberto, teremos online em breve, estamos fazendo um a nível básico primeiro com algumas aulas gratuitas, depois teremos o de eletricista automotiva e futuramente de injeção eletrônica. http://www.cursodemecanica.gpages.com.br

      Qualquer coisa estamos a disposição!

      Responder

  2. Eu gostaria de partisipar dos cursos de injeção eletronicas e de eletricas de voçeis quero saber como ajente faiz para partisipar desses cursos de voçeis se e renumerado min mande um gmail com mais infrmasão. Eu tambem sou mecanico mas não tenho muinta intimidade com veiculos eletronico.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *